Grupo econômico sucroalcooleiro acorda depósitos semanais para pagamento de 2.000 processos

CORTÊS-PE:Crime violento na zona rural do município
Cozinheira de 59 anos vai à Justiça para saber se Silvio Santos é seu pai

Por:Wanderson Medeiros

A juíza titular da 1ª Vara do Trabalho de Ribeirão, Renata Lapenda, reuniu-se, no último dia 27, com o sindicato dos trabalhadores rurais da região, advogados dos exequentes e executadas e representantes do grupo econômico formado pela Usina Estreliana LTDA-EPP, Cachool Comércio e Indústria S.A. e Interiorana Serviços e Construções LTDA, para tratar dos processos de execução movidos contra as aludidas empresas. O encontro ocorreu na própria unidade jurisdicional, no Km 82 da BR 101.

Os envolvidos negociaram a suspensão da execução mediante a quitação parcelada dos débitos através de depósitos semanais em conta judicial, a serem efetuados pela empresa arrendatária do parque industrial do Grupo, a Usina Ribeirão LTDA, que também participou da reunião. Foram estipulados valores diferentes para o período de safra e entressafra.

Com os depósitos, a 1ª Vara de Ribeirão procederá ao pagamento dos trabalhadores, seguindo a ordem dos processos mais antigos. A medida afeta cerca de 2.000 mil ações.

Texto: Helen Falcão

Foto: 1ª VT de Ribeirão

COMMENTS

WORDPRESS: 0