Juiz decide, eleição da mesa diretora do sindicato dos servidores em Cortês foi legitima.

Juiz decide, eleição da mesa diretora do sindicato dos servidores em Cortês foi legitima.

CORTÊS-PE:Sinsmucbg apresenta propostas para o plano de governo de candidato do PSB
Presidente do SINSMUCBG recebe para avaliação, projeto para aumento do piso salarial dos professores.

A eleição para mesa diretora do sindicado dos servidores municipais de Cortês foi rodeada de polêmicas entre à atual gestão e a oposição intitulada “chapa independente”. Realizada as eleições, à atual gestão do sindicato foi reeleita, mantendo Enilson Quintino como presidente. Após a vitória do mesmo, a chapa de oposição entrou com um processo na justiça informando que houve fraudes nas eleições.

Nesta última quinta-feira (26-07) o juiz de direito da comarca de Cortês, Dr. Antônio Carlos dos Santos, decidiu  extinguir o processo mantendo Enilson Quintino como presidente, segundo o Juiz as eleições foram feitas de forma estatutária: ” Os documentos acostados à petição, comprovam, cabalmente, a realização das eleições
sindicais do SINSMUCBG, sendo atendidos todos os trâmites legais previstos no Estatuto da mencionada entidade sindical. “ disse o jurista em seus argumentos.

O presidente e a chapa reeleita, comemoraram com a decisão. Em conversa com a nossa equipe, Quintino disse: ”  Estava tranquilo, pois trabalho de forma ética e transparente. Todos tem o direito garantido por lei de indagar tudo aquilo que achar certo ou errado. Neste caso o Juiz analisou e julgou, a eleição foi realizada dentro do nosso estatuto, quem me conhece sabe do meu compromisso com os servidores, mesmo diante dessa situação estava em busca de melhorias para o nosso sindicato, o trabalho não parou e não vai parar, a luta continua…”

Além dos servidores e figuras públicas, Enilson contou também com o apoio de uma das principais federações sindicais como a FESIASPE (Federação dos Sindicatos e Associações dos Servidores Públicos em Pernambuco) e UGT (União Geral dos Trabalhadores) que nas redes sociais comemoraram. “Parabéns Enilson foi feito justiça e o sindicato continua sendo administrado por um companheiro combativo que defende os servidores do município” disse Gustavo Valfrido, Presidente da UGT.

Para ler a decisão do juiz na integra CLIQUE AQUI!

Voz da Mata Sul – em busca da informação.

 

 

 

COMMENTS

WORDPRESS: 0