Príncipes, princesas e até imperador: quem são e o que faz a Família Imperial Brasileira?

Príncipes, princesas e até imperador: quem são e o que faz a Família Imperial Brasileira?

Saiba 11 curiosidades sobre esta família, que atualmente tem 37 princesas e até briga entre dinastias.

O Brasil deixou de ser monarquia há muito tempo, mas, ainda existem herdeiros da Família Imperial brasileira que mantêm hábitos herdados da época dos

Bruna Marquezine confirma fim de namoro com Neymar.
Tornozeleira eletrônica é encontrada em pata de cavalo no interior do PR.
Fatos sobre café que você talvez ainda não saiba.
Casal morre na mesma UTI em SP após 50 anos juntos
Estranho objeto atravessa o Sistema Solar e intriga cientistas.

O Brasil deixou de ser monarquia há muito tempo, mas, ainda existem herdeiros da Família Imperial brasileira que mantêm hábitos herdados da época dos imperadores e circulam por aí com toda a pompa de ser um “Orleans e Bragança”.

Abaixo,  separamos 11 curiosidades sobre esta família, que atualmente tem 37 princesas e até briga entre dinastias.

Curiosidades sobre a Família Imperial brasileira

1. Quem seria nosso imperador caso voltássemos à Monarquia?

domluiz imperio brasil 017 400x999

CASA IMPERIAL DO BRASIL

Intitulado como Chefe da Casa Imperial do Brasil, que é uma entidade cívica sem fins lucrativos que coordena as atividades monárquicas no País, Dom Luiz de Orleans e Bragança seria nosso imperador atualmente, caso o Brasil fosse uma Monarquia.

 Ele é bisneto da Princesa Isabel, e nasceu na França.

2. E ele seria tratado por um pronome de tratamento bem longo

coroa imperio brasil 017 400x800

AURORAT/ISTOCK

Segundo a Constituição de 1824, seria Dom Luiz, por graça de Deus e unânime aclamação dos povos, Imperador Constitucional e Defensor Perpétuo do Brasil.

3. Existem 37 princesas e a mais popular é Paola Orleans e Bragança

paola princesa braganca 017 400x800

PAOLAMARIA/INSTAGRAM

Trineta de Princesa Isabel, Paola Maria de Bourbon Orléans e Bragança Sapieha é modelo nascida em Londres. Segundo seu site oficial, morou boa parte de sua infância em Petrópolis, no Rio de Janeiro, que sempre foi um refúgio para a Família Real, e se formou em Design.

4. João Orleans e Bragança, o Dom Joãozinho, é fotógrafo

Bisneto da Princesa Isabel e tataraneto de Dom Pedro II, Dom Joãozinho é um fotógrafo profissional e também dono de pousada em Paraty, no Rio de Janeiro.

A fotografia, aliás, era uma paixão de seu tataravô – que foi um dos primeiros fotógrafos do Brasil.

5. A filha de Dom Joãozinho, princesa Maria Cristina, é escritora e tem Síndrome de Down

A jovem é escritora e publicou dois livros infantis.

6. Quem mora em Petrópolis (RJ) paga uma taxa do imóvel à Família Imperial

petropolis museu imperio 017 400x800

SU JUSTEN/SHUTTERSTOCK

Instituída em 1847, a “taxa do príncipe” recai sobre a compra e venda de imóveis no Centro de Petrópolis. O laudêmio equivale a 2,5% sobre o preço de mercado do imóvel.

A taxa é cobrada de casas localizadas na área da Fazenda Córrego Seco, pertencente a Dom Pedro II.

7. Em 1993, houve plebiscito para decidir entre Monarquia e Presidencialismo

Sete milhões de eleitores votaram pela volta do regime monárquico frente a 37,1 milhões que escolheram a permanência do presidencialismo.

8. A bandeira monárquica tem referências às Casas de Habsburgo e de Bragança

bandeira imperio brasil 017 400x875

CHELOVEK/ISTOCK

A bandeira monárquica é bem parecida com a bandeira republicana e foi criada em 1822, em virtude da Independência do Brasil.

O amarelo representa a Casa de Habsburgo, da Imperatriz Leopoldina da Áustria, e o verde, a de Bragança (D. Pedro I).

Ela é usada por movimentos pró-monarquia.

9. Há dois ramos da família: o de Petrópolis e o de Vassouras

O Ramo de Petrópolis é formado por descendentes de D. Pedro de Alcântara de Orleans e Bragança, que renunciou o título de Príncipe Imperial do Brasil para que pudesse se casar com a condessa Elisabeth de Dobrzenicz.

Assim, caso o Brasil voltasse a ser liderado por um monarca, o herdeiro presuntivo seria seu irmão, D. Luís Maria Filipe, e seus descendentes diretos que compõem o chamado Ramo de Vassouras.

Os dois lados permanecem em disputa há décadas para deter o título dinástico legítimo.

10. Eles mantêm o costume de ter muitos sobrenomes

Como o da princesa Amélia Maria de Fátima Josefa Antônia Micaela Gabriela Rafaela Gonzaga de Orleans e Bragança.

11. O processo judicial mais antigo do Brasil, quem diria, envolve a Princesa Isabel

palacio guanabara rj imperio 017 400x935

VITORMARIGO/ISTOCK

É provável que o processo judicial mais antigo do Brasil envolva a Família Imperial e a União. Em 1895, a Princesa Isabel entrou com ação para pedir posse do Palácio de Guanabara que, depois da Proclamação da República, se tornou patrimônio da União.

Fonte:VIX

Voz da Mata Sul – em busca da informação.

COMMENTS

WORDPRESS: 0